11 Razões para Você se Tornar Um Massagista

Você pensou bastante a respeito e tem considerado a escolha de se tornar um massagista terapeuta. Saiba que a maioria dos massagistas tem uma série de benefícios, entre eles a própria massagem, ao seu favor quando opta por esta carreira.

Mas antes de bater o martelo e decidir que a profissão de massagista profissional é mesmo para você, faça-se a seguinte pergunta: “Por que eu quero, com sinceridade, me tornar um massagista terapeuta?”.

Para muitos a resposta a esta pergunta pode ser muito clara e óbvia, mas para aqueles que ainda não conseguiram respondê-la, será necessário refletir um pouco mais.

Mas saiba que para aqueles que têm a intenção de se qualificar e especializar, após a obtenção da graduação de terapeuta, as oportunidades são muito grandes e extremamente benéficas para os bons profissionais.

Além de conseguir a tão sonhada estabilidade em sua nova atividade, o massagista credenciado e qualificado é um profissional muito procurado por grandes empresas, hospitais e em diversos outros ramos como navios, resorts, hotéis; ou, quem sabe, abrir seu próprio negócio.

Entre as principais vantagens e razões para você se tornar um massagistas, elencaremos neste artigo apenas 11 (onze) delas, que certamente irá te ajudar a tirar as suas dúvidas.

1- Massagistas terapeutas são profissionais credenciados.

A massagem terapêutica tem se tornado uma atividade muita respeitada no meio corporativo e médico. Tudo isso se deve a exigência de que bons terapeutas devem ser credenciados por boas e respeitosas instituições de ensino.

Assim, para se tornar um massagista credenciado, o profissional deverá ter concluído uma graduação completa na área, preferencialmente em cursos renomados, além de ter passado por centenas de horas de prática com a massagem e suas diversas modalidades.

2- Massagistas podem organizar sua própria agenda de trabalho.

agenda-trabalho-massagistas

Uma das grandes vantagens de trabalhar como massagista, mesmo como empregado, é a incrível facilidade de ajustar sua agenda aos atendimentos.

E este é um enorme benefício, pois com a otimização da agenda de trabalho, o profissional poderá realizar as massagens em seus clientes da melhor forma possível e maximizar seus lucros, além de conseguir descansos regulares, de acordo com suas necessidades.

3- Massagistas profissionais e credenciados são muito demandados.

Não somente a demanda por estes profissionais é elevada, como tem crescido muito a procura por eles. Os benefícios da massagem estão, cada vez mais, valorizados pela sociedade, que busca não somente mais saúde e bem-estar, como também mais produtividade.

E a massagem tem um papel importantíssimo na melhoria geral do bem-estar, corroborando para o aumento da eficiência e saúde das pessoas, tornando-as muito mais resilientes, menos estressadas e mais concentradas.

4- Massagistas podem trabalhar e realizar suas atividades de massagem em locais incríveis.

Que tal trabalhar na beira do mar para uma pousada ou um resort, que oferece os serviços de massagem para seus hóspedes? Cada vez mais comum, spas, hotéis e outros estabelecimentos da categoria estão trazendo novas experiências para seus hóspedes e clientes, e a massagem é preferida entre eles.

Em muitos navios e cruzeiros marítimos, o profissional massagista terapeuta é muito procurado para ajudar os passageiros a desfrutarem da melhor experiência possível. Imagine-se trabalhando em um grande cruzeiro, em um ambiente calmo e descontraído, onde poucas pessoas têm a oportunidade de trabalhar.

5- Na maioria das vezes, o ambiente de trabalho do massagista é extremamente relaxante e calmo.

massagem na praia

Diferentemente de outros profissionais, o ambiente de trabalho de um massagista é, por natureza, muito relaxante. Cercado por toalhas, velas aromáticas e uma música calma. O local de trabalho é bem relaxante e confortante.

O massagista, dificilmente, terá que lidar com telefonemas irritantes, planilhas e relatórios que não tem fim, em um ambiente competitivo, estressante e muitas vezes, sufocante.

O local de trabalho é uma das principais queixas dos trabalhadores atuais. Muito estresse, competição, reuniões intermináveis e outras atividades extenuantes, definitivamente, não fazem parte da rotina dos massagistas, em geral.

6- Trabalhe ajudando as pessoas.

Os resultados do trabalho de um massagista trazem benefícios, em muitos casos, imensuráveis aos seus pacientes.

Quem procura um terapeuta, geralmente está sofrendo com muitas dores, lesões e estresse. E com o alívio destes males, já nas primeiras sessões de massagem, o paciente já obtêm resultados expressivos no processo de cura, melhorando sua circulação sanguínea e completa restauração de seu equilíbrio emocional.

7- Aspecto positivo da massagem.

Diferentemente de ir ao médico, ao dentista e em outros profissionais da saúde, o ato de buscar um massagista invoca uma experiência positiva, uma sensação de alegria, bem-estar e de se sentir bem.

Quem não gosta de ganhar um voucher de presente para uma longa sessão de massagem relaxante e revigorante?

8- Massagistas são profissionais muito ativos.

O massagista e o terapeuta geralmente precisam se movimentar bastante durante um procedimento terapêutico, seja uma massagem, um alongamento guiado ou outra atividade.

A própria natureza do trabalho já demanda intensa movimentação do profissional, que, por esse simples motivo, já o mantém em boa forma.

Dificilmente um massagista ficará por muito tempo sentado e/ou parado. Muitas das técnicas de massagem, inclusive, requerem que o executor esteja em ótima forma física, dada a intensa movimentação e realização dos movimentos rigorosos no paciente.

9- Em muitos casos, não têm chefe.

Uma grande parcela dos massagistas têm o seu próprio consultório ou local de trabalho. Outros vão até o endereço residencial ou comercial de seus clientes.

Os grandes benefícios de trabalhar por conta própria é que você poderá definir sua agenda, se dedicar mais a uma quantidade limitada de clientes, realizar seus procedimentos em casa (se preferir) e limitar e se especializar naquelas modalidades de massagem que mais lhe agradam.

Ou, se preferir, poderá fornecer uma ampla quantidade de técnicas e modalidades para seus clientes, se tornando uma referência na sua área.

Você quem escolhe, essa é a grande vantagem de se tornar um massagista autônomo.

10- Mais estabilidade e empregabilidade.

Os massagistas terapeutas gozam de um incrível benefício que é a segurança e relativa estabilidade de trabalho.

Um profissional desta área tem uma gama de locais para trabalhar, assim como a opção de mudar de cidade, estado e até mesmo de país para encontrar as melhores oportunidades da sua carreira.

Segundo estimativas, entre 2010 e 2025, há uma expectativa de aumento da demanda por massagem, e, consequentemente, por terapeutas credenciados em vinte e cinco porcento. Isso significa um aumento quatro vezes maior, em média, do que a demanda de profissionais em outros setores.

11- Satisfação profissional e pessoal.

O tratamento com massagem é, na maioria dos casos, preventivo. Ou seja, por esse motivo, os massagistas passam mais tempo com seus pacientes do que outros profissionais.

Em um primeiro momento, isso pode parecer desvantajoso, mas as vantagens são inúmeras. Com mais tempo no procedimento, o terapeuta poderá conhecer melhor cada paciente, entender suas limitações, traumas e problemas com mais profundidade.

Assim, as chances de se obter um tratamento satisfatório são muito grandes. E, portanto, sua satisfação profissional também o será. Estudos revelam que o sucesso no trabalho é um dos pré requisitos para uma boa saúde mental e emocional também.

3 Comentários

  1. Tatiana Carla
    1 de fevereiro de 2019
    Reply

    Excelente artigo!!
    Estava precisando de um texto como este para eu me decidir em entrar de cabeça no mundo da massagem.
    Sei que não será nada fácil, mas com persistência conseguirei me tornar uma massagista profissional qualificada. É só me esforçar!!
    Estou adorando o conteúdo deste blog de massagem, tenho aprendido muito com os artigos e agora com este texto acima realmente está definido que me tornarei uma massagista. É o que eu sempre gostei de fazer.
    Muito obrigada pelas valiosas informações descritas aqui. Espero que os criadores deste blog sejam abençoados.
    Um beijo a todos!

    • Priscilla Montes
      2 de fevereiro de 2019
      Reply

      Também estava neste dilema, amiga! Meu sonho sempre foi trabalhar com massagem, terapias alternativas e aromaterapia, mas nunca tive coragem de largar meu emprego e mudar de área.
      Seria uma mudança radical, hoje tem certificações e cursos de massoterapia, mas sempre atuei de forma complementar ao meu emprego e ofício principal. Ou seja, é uma espécie de segundo emprego, mas gostaria de torná-lo o principal e me colocar de cabeça e alma na massagem.
      Bom, vou criando coragem, lendo a respeito, me preparando melhor que uma hora vou tomar coragem e assumir minha paixão.
      É duro quando trabalhamos com aquilo que não gostamos e fazemos apenas porque precisamos do dinheiro.
      Mas vou mudar minha realidade, aos poucos vou me aprofundando na carreira de massagista e mergulhando no ofício da massagem, até chegar um momento em que não haverá volta, então assumo de vez a massagem na minha vida como profissão.
      Fiquei super empolgada com os benefícios e vantagens dos terapeutas descritos no texto, nunca tinha parado para pensar nisso antes. Realmente quem trabalha com massagem tem inúmeras vantagens, mas também precisa ralar bastante.

  2. Evódio Britto
    5 de fevereiro de 2019
    Reply

    Sou massagista credenciado há mais de vinte anos e posso reafirmar tudo o que foi dito neste artigo. Realmente temos muitas vantagens por trabalharmos com massagens, mas há também os ossos do ofício.
    Apesar da inúmeras vantagens, também temos que ter em mente que lidamos com público. O contato com o cliente é muito intenso, diante da própria natureza do trabalho.
    E sendo assim, nossa responsabilidade é muito grande. Estamos lidando com vidas humanas. Estamos tratando da saúde e bem-estar das pessoas, e isto faz com que as expectativas dos clientes sejam sempre altas.
    Então não podemos nos descuidar nunca. Sempre oferecer a melhor massagem possível, independente da condição do paciente. E isso, a longo prazo, traz um desgaste muito grande para o profissional.
    Não estou desmotivando ninguém a se tornar um massagista, apenas relatando que há prós e contras, como toda profissão. E para aqueles que buscam a massagem como um meio de vida, devem estar cientes das vantagens e desvantagens da carreira.
    Ademais, é uma carreira apaixonante e muito gratificante para quem gosta de lidar com o público e ajudá-lo. Nada mais gratificante do que ver um paciente se recuperando e melhorando sua saúde e bem-estar.
    Quero cumprimentar a todos os massagistas e futuros profissionais pela escolha feita e que elevemos cada vez mais a qualidade de nossos trabalhos com a massagem!

Deixe uma resposta para Priscilla Montes Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *